My favorite things

Loading...

segunda-feira, setembro 28

As eleições: ganhou quem tinha que ganhar



Ganhou, do meu ponto de vista, quem tinha que ganhar; o PS, mas com necessidade de ter que negociar ...

Bem sei, sei-o bem que dirão todos que o país ficará ainda mais ingovernável, mais difícil de conter na explosão de interesses que prolifera cada vez que há necessidade de negociar; dizem os pessimistas que a cada negociação corresponde uma concessão que, em países com déficit democrático, origina sempre uma pressão sobre quem governa.

Mas, felizmente, situo-me entre as que acreditam que a Democracia tende a crescer e não a esvair-se.

Ainda é o sistema em que acredito, o melhor que conheço; pelo que luto e lutarei.

Assim, por tudo isso, creio também que cada negociação não dará lugar necessariamente a um acrescido lugar de interesses pontuais, individuais ou de grupos de pressão económico-financeira, mas a um espaço de crescimento na Democracia e na capacidade de cruzar o Estado, o Governo e outras instâncias da cidadania e que esse cruzamento se faça cada vez com mais tranparência, tal como se espera que aconteça nas Democracias adultas.
Para mim, repito-o, ganhou quem tinha que ganhar.
MAS ESTAREMOS ATENTOS ENGENHEIRO SÓCRATES. SABE BEM QUE ESTAREMOS MUITO ATENTOS.

E AINDA MAIS OS QUE EM SI CONFIARAM!
PORQUE ATÉ A CONFIANÇA É PRECISO SABER MERECER ...

Um comentário:

Anônimo disse...

Acho que tudo foi feito em tenaz para que o ps e o seu lider perdessem as eleições. Se as ganharam, contra tudo e contra todos, apenas apoiados na vontade daquele povo que soube resistir à pressão alheia, não foi por fatalismo, mas por mérito próprio. Acredito no bom senso de todos os partidos. Aguardo confiante

Lily Allen

Loading...

Que as ragas tragam ao dia o que a noite lhe roubou

Loading...
Loading...
Loading...

Bom Domingo

Loading...

oiça a Buika ... oiça bem

Loading...

e oiça também a Lila Downs

Loading...

i want you, but i don´t need you ...

Loading...