My favorite things

Loading...

quarta-feira, setembro 30

O Tejo é o rio mais bonito da minha aldeia ...





video

video

Para ti a Exposição «Verdes Anos» de Ramiro Guerreiro







Sim, porque a vida é, de facto, um projecto, uma construção ...

E mais logo lhe voltarei.

Exposição: «Verdes Anos», Ramiro Guerreiro

Central Eléctrica de Lisboa

video video

segunda-feira, setembro 28

Danças Ocultas: TARAB


No Teatro São Luiz, a 3 de Outubro, pelas 18h 30m, o lançamento do disco Tarab.








As eleições: ganhou quem tinha que ganhar



Ganhou, do meu ponto de vista, quem tinha que ganhar; o PS, mas com necessidade de ter que negociar ...

Bem sei, sei-o bem que dirão todos que o país ficará ainda mais ingovernável, mais difícil de conter na explosão de interesses que prolifera cada vez que há necessidade de negociar; dizem os pessimistas que a cada negociação corresponde uma concessão que, em países com déficit democrático, origina sempre uma pressão sobre quem governa.

Mas, felizmente, situo-me entre as que acreditam que a Democracia tende a crescer e não a esvair-se.

Ainda é o sistema em que acredito, o melhor que conheço; pelo que luto e lutarei.

Assim, por tudo isso, creio também que cada negociação não dará lugar necessariamente a um acrescido lugar de interesses pontuais, individuais ou de grupos de pressão económico-financeira, mas a um espaço de crescimento na Democracia e na capacidade de cruzar o Estado, o Governo e outras instâncias da cidadania e que esse cruzamento se faça cada vez com mais tranparência, tal como se espera que aconteça nas Democracias adultas.
Para mim, repito-o, ganhou quem tinha que ganhar.
MAS ESTAREMOS ATENTOS ENGENHEIRO SÓCRATES. SABE BEM QUE ESTAREMOS MUITO ATENTOS.

E AINDA MAIS OS QUE EM SI CONFIARAM!
PORQUE ATÉ A CONFIANÇA É PRECISO SABER MERECER ...

Toda a vida é uma construção ...

quarta-feira, setembro 23

Curso Livre Mulheres, Feminismos e Média ...



A UMAR e a Câmara Municipal de Lisboa vão organizar, no próximo dia 17 de Outubro, no Palácio Galveias, ao Campo Pequeno, um curso livre sobre o tema acima referido.
Para mais informações veja:

terça-feira, setembro 22

O Museu Nacional de Arqueologia: hoje e amanhã







Hoje, no Museu de Arqueologia, lançou-se mais um número da revista Arqueólogo Português e procedeu-se ainda à apresentação da obra de José d'Encarnação Paisagens da Antiguidade, cujo título, no dizer do seu autor, é "Paisagens", porque tudo se passa num espaço habitado, que o homem à sua imagem acomodou. "Da Antiguidade", porque regressamos a tempos idos, de romanos a habitarem a Península Ibérica e, de modo especial, o território que hoje é Portugal, de norte a sul.



Parabéns ao Museu Nacional de Arqueologia aos autores e aos colaboradores.
Aproveito ainda para dar conhecimento da existência dos serviços educativos do MNA, cujo blogue de apresentação acabou por ter recentemente um prémio.

A Musa Irregular, Fernando Assis Pacheco

(...)
e passam horas
durante as que da rua
ouvindo vozes turvas
eu ficarei teimando
na claridade a todo o preço
de que me falam aves
F.A.P. in Poemário, 2009

Mas o Tagus chama ao regresso, enciumado que estava já do Guadiana, mesmo sabendo que com ele faz uma Mesopotâmia ...



sábado, setembro 19

Ainda Alvalade em festa ... a Feira Medieval














video

Olá Alvalade, olá a vós

Se puder vá mesmo ver a exposição «Alvalade no Tempo: historiografia do Médio e Alto Sado» e aproveite para ver o vídeo sobre a ocupação do Território.






A todos, de novo, o meu obrigada por me fazerem continuar a acreditar que é possível trabalhar em equipa: à Fernanda Vale, ao José Matias, ao Gentil Cesário, ao Rui Fragoso um abraço especial.


video

Lily Allen

Loading...

Que as ragas tragam ao dia o que a noite lhe roubou

Loading...
Loading...
Loading...

Bom Domingo

Loading...

oiça a Buika ... oiça bem

Loading...

e oiça também a Lila Downs

Loading...

i want you, but i don´t need you ...

Loading...