My favorite things

Loading...

terça-feira, março 4

Regresso a casa (0)





Foi só acender o lume para ver os meus Lares respirar apaziguados, suavemente, pela casa fora como se fosse um ALENTO.

Pelos corredores pairam espíritos, memórias, coisas tantas, ausências, presenças com as quais tenho que conviver.

Mas sei que bem me acolherão, me protegerão os meus Lares, se lhes souber fazer as devidas libações.

2 comentários:

adriano disse...

Já me tinha esquecido dos deuses protectores das nossas casas. Com eles convivemos dia a dia sem disso termos consciência. Mas tu foste muito simpática para com os teus Lares. Chegada do Alentejo que conheces profundamente e adoras, a primeira preocupação foi para os teus Lares.
Acendeste a lareira e quiseste partilhar com eles o calor que dela começou a emanar. Eles sentir-se-ão aconchegados, parte da mesma família e te serão propícios. É, sem dúvida, no dar que se recebe.
Um abraço. adriano

mena disse...

Sim Adriano, sei que os meus me protegerão.
Que eu saiba merecer-lhes a memória com que me suavizam os dias.

Lily Allen

Loading...

Que as ragas tragam ao dia o que a noite lhe roubou

Loading...
Loading...
Loading...

Bom Domingo

Loading...

oiça a Buika ... oiça bem

Loading...

e oiça também a Lila Downs

Loading...

i want you, but i don´t need you ...

Loading...