My favorite things

Loading...

sexta-feira, setembro 13

Natália Correia (reeditado de 26.07.2009)


Ser navegador ... Ser navegador

Não é termos sido é sermos ainda

É irmos a Vénus ou seja onde for

Espetar os cornos onde o espaço finda.


É haver Camões como uma revolta

E haver Gil Vicente como um desafio

A esse Encoberto que nunca mais volta

Porque é o pretexto do nosso vazio.


(...)


É a Liberdade como a luz para onde

Corre a alegria da cabra

E o povo é a sede e a Pátria é a fonte

Trabalho do sangue que não mais acaba.


Natália Correia, Poemas a Rebate

Nenhum comentário:

Lily Allen

Loading...

Que as ragas tragam ao dia o que a noite lhe roubou

Loading...
Loading...
Loading...

Bom Domingo

Loading...

oiça a Buika ... oiça bem

Loading...

e oiça também a Lila Downs

Loading...

i want you, but i don´t need you ...

Loading...